Ir para conteúdo
Busca

Ir para conteúdo

Prefeitura
Acompanhe-nos:
Facebook
Notícias
Principal   Notícias
 

12/09/2018
Penápolis tem seis pilotos de Floresta Urbana em andamento

Por meio de uma parceria entre a Secretaria Municipal de Agricultura e Meio Ambiente e o Daep (Departamento Autônomo de Água e Esgoto de Penápolis), o município possui em andamento seis projetos piloto de Floresta Urbana. Trata-se de um método proposto pelo Governo do Estado de São Paulo, relacionando ao “Programa Município Verde Azul”. Ele aborda o conceito de que o morador não deve interferir no formato das árvores com podas ornamentais, e sim preservar as características originais da vegetação. 
O conceito é que as arvores fiquem livres de podas paisagísticas, objetivando que cresçam livres assim como na natureza, e permitam que as copas se encontrem proporcionando sombra em calçadas e no meio da rua. 
De acordo com os projetos pilotos, por se tratar de uma floresta urbana, existe a adaptação ao meio urbano; assim, as espécies localizadas embaixo da fiação elétrica são de pequeno e médio porte, e ficam do lado oposto com as arvores de médio e grande porte. 
O piloto de Floresta Urbana abrange também calçadas com artifícios drenantes, como grama ou calçamento específico para este fim. 
Segundo comentou o presidente do Daep, Edson Bilche Girotto, o Batata, este projeto serve para que, através de um exemplo prático, a população possa entender os benefícios proporcionados ao longo do tempo. 
“Penápolis é carente de arborização urbana, e morar próximo às áreas bem arborizadas na forma de uma floresta pode trazer benefícios à saúde em vários aspectos. A arborização é apontada como fator inibidor do risco dos danos à pele, aos olhos e ao sistema imunológico, prevenindo alguns tipos de tumor de pele derivados da exposição excessiva aos raios solares e à radiação ultravioleta”, destacou. 
“Pedaços de florestas situados próximos ou dentro das cidades ainda amenizam a temperatura e permitem manter a biodiversidade. Plantas, insetos e pássaros encontram abrigo e alimento nestes locais”, acrescentou ele.
“Entretanto, o valor para a cidade vai além da preservação das espécies. É possível diminuir a poluição química e sonora, reduzir o efeito de ilha de calor, aumentar a disponibilidade e qualidade da água, reduzir a erosão e assoreamentos de rios”, disse.

Locais
Em Penápolis os seis pilotos ainda são jovens, e estão sinalizados por meio de placas, nos seguintes locais: Jardim Panorama (rua Luiz Fattori – plantado em setembro/ 2016); Residencial Santa Leonor (rua Serafim Bogo – plantado em setembro/2016); Residencial Sílvia Covas (Rua das Palmas – plantado em setembro/2014); Bairro Pereirinha (rua Calil Amin Sader – plantado em setembro/2015); Bairro Pereirinha (rua do Pereirinha – plantado em setembro/2015); Bairro Aparecida (rua Enio Soliani – plantado em setembro/2017).
“As árvores são reservatórios de carbono. Assim, uma massa vegetal pode absorver uma grande quantidade de CO2 e favorecer o clima da região, contribuindo na redução dos efeitos das mudanças climáticas. Por todas essas razões o Daep e a Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente incentivam o projeto”, concluiu o presidente do Daep. 

Secom – PMP

 
 
 
 
Logo rodapé
Mapa Localização:



Av. Maria Chica, 1400 - Centro - Penápolis / SP
CEP: 16300-005
Telefone Telefone para contato:



(18) 3654-2500
Atendimento Horário de Funcionamento:



De Segunda a Sexta-feira da 8h as 16h
Instar Internet© Copyright Instar - 2006-2018. Todos os direitos reservados.
Seta
icone instar © Copyright Instar - 2006-2018. Todos os direitos reservados.