Ir para o conteúdo

Prefeitura de Penápolis / SP e os cookies: Nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
OK
Prefeitura de Penápolis / SP
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
MAR
18
18 MAR 2021
DESENVOLVIMENTO SOCIAL
Sasc planeja atualização de legislação municipal de assistência social
enviar para um amigo
receba notícias
PROCESSANDO ÁUDIO

A Secretaria Municipal de Assistência Social e Cidadania iniciou o processo de estudo e análise para atualizar a legislação que regulamenta o SUAS (Sistema Único de Assistência Social) no município e normatizar a concessão de benefícios eventuais, ainda não regulamentada.
Segundo o secretário de Assistência Social, Pedro Luis Menti Sanchez, Penápolis já possui lei que regulamenta o SUAS. “Estamos em um processo de revisão e atualização desta lei. Também iremos incluir nesta norma toda a regulamentação sobre os benefícios eventuais do município”, explicou.
Ainda de acordo com o secretário, todos os benefícios eventuais oferecidos pelo município devem ser regulamentados. “Hoje temos apenas uma lei para regulamentar a concessão do auxílio funeral. Outros auxílios como de natalidade, de calamidade pública, de vulnerabilidade temporária (alimentação) e o aluguel social não possuem regulamentação”, afirmou Sanchez.
“É necessário ter uma legislação única. Na lei que normatiza o SUAS será incluída a regulamentação dos benefícios eventuais. Acreditamos com isso estar dando um importante passo para a consolidação da Política Pública de Assistência Social, sobretudo na perspectiva de acesso a direitos aos usuários”, acrescentou o secretário de Assistência Social.
“Estamos nos reunindo com os profissionais da área e equipe gestora para revisar e atualizar a lei municipal. Concluída esta etapa, as alterações serão validadas pelo prefeito Caique Rossi, que tem dado irrestrito apoio e incentivo para a normatização da política pública de assistência social no município”, destacou.
“O projeto de lei será analisado pela Procuradoria Jurídica do Município e enviado para a apreciação da Câmara de Vereadores”, finalizou o secretário, Pedro Sanchez.

Secom – PMP
 

Seta
Versão do Sistema: 3.2.5 - 03/08/2022
Copyright Instar - 2006-2022. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia